14 setembro 2009

E se eu me importar

É estranho ficar tanto tempo sem postar.
E mais estranho ainda quando se tem tanto pra falar como nos últimos dias.
Viajar é bom porque de certa forma organiza as idéias.
É difícil organizar dentro quando o que está fora parece o início do caos.


Fazendo terapia já a bastante tempo, tenho consciência de o quanto não me levo mais tão a sério. E muito menos os outros.
E isso só tem me ajudado.
Julgo as pessoas cada vez menos também, embora ainda julgue.
Sim. Não sou perfeita. Ainda bem. :D
As imperfeições que constroem o caráter das pessoas, que as fazem crescer.


Então, cá vivo eu com esse princípio de amadurecimento.
Amadurecimento esse que eu acreditava me deixar mais segura diante de qualquer situação.
Madura o bastante para não precisar dizer, mas apenas pensar: "I don´t care"
E sorrir por dentro. Não um sorriso malicioso ou irônico. :)
Um sorriso interno de quem está de bem consigo mesmo a ponto de não precisar se justificar.


Tive uma prova desse amadurecimento esse ano, quando recebi um monte de emails anônimos de um ex.

E quanto mais baixarias eu lia, mais aumentavam os meus risos internos do tipo: "que bom, eu cresci", "I really don´t care"


Então, passado isso, super orgulhosa, pensei que não seria qualquer ventania forte que me derrubaria.
Que venham outros furacões!
E eles vieram. Das amizades.
Agora aguênta, Juliana. :)

4 comentários:

Juliana Menz disse...

O que você faz além de ter um MAC, estar em São Paulo e ler o meu blog?
Este blog está totalmente aberto a comentários e críticas porém, tenha a nobreza de se identificar assim como eu faço. Não falo mais com fantasmas.

Pattiê que fica, disse...

uia! o que andaram escrevendo por aqui, hein?

Então... estava com saudade dos escritos, viu?

Você aguenta, tenho certeza. O bigodudo master já dizia que "o que não nos mata, nos deixa mais fortes". Arrisco em dizer que mais sábios também.

E vamos que vamos na busca pelo autoconhecimento!

Beijos

Mari Spessatto disse...

Nossa...tanto tempo quieta...mas quando veio...veio com tudo!
Adorei...
adoro sempre!!!
Suuuper me identifiquei Ju...
tenho pensado, pensado e pensado...e penso exatamente isso!
Pana que não sei escrever como tu!
to com saudades...
bjo...bjo...bjo

Lara Seixas disse...

"Vai chover, vai secar

Só não vai derrubar

O que for do seu lugar

(...)

Toda vida é uma porta

Por onde se entra e sai".

Nega,

Nada de mal te alcança... Espírito de luz, pratique a caridade, escute e cante:

"deixe falar

pode falar de mim

pois eu sou a sensaçao

pode falar de mim" Risos.

Que Deus te proteja, sempre.

P.S: Estávamos com saudades da sua escrita.